Quanto a época de contratação, como funciona a cobertura de planos antigos?

Saiba que dependendo da época que seu plano de saúde foi contratado, ele deverá ser antigo, novo ou ainda adaptado, conheça as suas diferenças em seguida.

No caso dos planos antigos por exemplo, estes são os contratos assinados antes da lei de número Lei nº 9.656, de 1998, ou seja, antes de 2 de janeiro de 1999. Este prazo de carência, e as coberturas em situações de urgência e emergência surgem como regras para doenças e lesões preexistentes que deverão observar as suas devidas disposições contratuais, inclusive suas limitações determinadas.

Como funcionam os seguros adaptados?

Saiba que os planos adaptados, são os planos contratados antes do dia 2 de janeiro de 1999, mas que foram totalmente adaptados para novas regras de legislação, passando inclusive para garantir aos consumidores as mesmas regras dos planos novos.

Os planos adaptados dependem exclusivamente de uma análise prévia, esta que é realizada por parte da operadora junto a empresa de trabalho, que poderá fazer toda a diferença. Levando isto em conta, os planos adaptados realmente deverão contar com diferenciais que podem ser analisados e determinados conforme as facilidades da empresa.

Como funcionam os planos de seguro saúde novos?

Os planos de seguro saúde novos são os planos que observam de forma expressa as determinações da lei de número 9.656, de 1998. Este tipo de lei, entre outros aspectos, amplia e padroniza acima de tudo a cobertura assistencial de forma obrigatória, tudo isto sob um formato de produtos referência que todas as operadoras deverão oferecer, extinguindo assim as limitações de tempo de internação e impedimento de ingressos nos planos em razão de doenças ou de idades, além de ter fixado as normas para os reajustes de mensalidade determinadas.

Como funciona a cobertura por segmento no seguro de referência?

Os planos de referência constituem um padrão de assistência médica e hospitalar porque conjugam uma cobertura ambulatorial, hospitalar e obstétrica, com padrões de enfermaria para uma situação de internação.

Este é um tipo de plano que não faz qualquer tipo de limitação para os atendimentos de urgência e emergência após 24 horas da contratação, mesmo que o beneficiário estiver cumprindo o prazo de carência, enquanto que os demais restringem toda a cobertura após ás 24 horas apenas em casos de acidentes pessoais e de complicações de processos gestacionais. Deverá ainda ser imposta para os outros casos de urgência e de emergência com uma carência de 180 dias. seguro de carga

Que cuidados preciso ter com relação a carência?

Saiba que com relação as carências, não devem ser confundidas as coberturas parciais temporárias, aplicáveis em situações de doenças preexistentes, ou seja, aquelas que os consumidores têm a ciência de serem portadores no momento de assinatura dos contratos, onde poderá ser imposta de qualquer tipo de plano, inclusive para os planos de referência.

Os planos de referência são um tipo de modalidade de planos de assistência para a saúde mais completa e abrangente. As leis ainda estabelecem que as operadoras que estiverem especializadas deverão de forma obrigatória oferecer de forma obrigatória para os consumidores este plano.

Seguro de